Faça seu login

Conexão – Brasil Guatemala

Postado em 26 de abril de 2017 | 0 comentários

Localizada no interior de São Paulo, a Artvinil ressurgiu a partir da parceria entre uma empresária brasileira e um guatemalteco.

Há oito anos, começava uma parceria de sucesso entre Brasil e Guatemala. O objetivo era atuar na área de lazer aquático, e a iniciativa deu certo. Através da associação de dois empresários, uma brasileira e um guatemalteco, a empresa Artvinil, especializada em revestimentos de vinil para piscinas, lagos e reservatórios de água, foi adquirida e
reerguida. De 2009 até hoje, a empresa, associada da ANAPP, já obteve várias conquistas como ampliação do espaço fabril e abertura de novos mercados, atendendo todo o território nacional.

Tudo começou quando José Donizete Rossini, atual diretor comercial da empresa, apresentou o guatemalteco Jorge Del Carmen, ex-colega de trabalho em uma corporação espanhola, à empresária brasileira Mirelly Coimbra da Silva. Ela estava interessada em montar uma fábrica de bolsões de vinil e Jorge pretendia fazer um investimento na área de piscinas no Brasil. A partir desse contato, eles decidiram comprar a marca Artvinil e constituir uma nova fábrica, instalada em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo.

O início dos trabalhos se deu em um galpão improvisado, onde a empresa se instalou por quatro meses. Posteriormente, a Artvinil foi transferida para um prédio próximo à rodovia Anhanguera, o que, segundo Rossini, foi essencial para gerar melhor visualização da marca. “Nessa ocasião, por motivos de saúde, a família de Jorge precisou deixar o Brasil e fui convidado para auxiliar Mirelly nas ações de desenvolvimento da empresa. Em 2012, já com a marca reconhecida, surgiu a necessidade de ampliar nosso espaço, quando mudamos para um prédio de 1.600 m2 no Parque Industrial Lagoinha, também em Ribeirão Preto”, relembra.

Localização e mercado A escolha pela cidade-sede da empresa não foi por acaso. A estratégia era inserir a indústria
em uma região próspera e com grande mercado consumidor, além de proporcionar uma boa logística para a chegada de matéria-prima e escoamento do produto final. Rossini acredita que Ribeirão Preto reúne todas essas características – com destaque para o bairro onde atualmente a empresa se situa, que reúne grande número de indústrias e transportadoras.

A opção por atuar no mercado de piscinas foi igualmente bem pensada. De acordo com Rossini, os sócios escolheram o setor de piscinas porque o viam como uma área promissora, o que, em sua visão, continua a ser. “É um mercado que vem crescendo ano a ano e todos sabem que é um grande sonho de consumo do brasileiro ter uma piscina em casa. Essa foi a grande motivação dos primeiros sócios para investir em uma fábrica de piscinas”, diz. Para o empresário, o fato de Mirelly ter experiência. há mais de 20 anos no varejo voltado a essa área também foi um ponto motivador.

Atuação

Em oito anos de história, muito já se conquistou. A empresa vem, a cada ano, ampliando sua área de atuação e já atende todo o território nacional. Hoje, a Artvinil é especialista na confecção de bolsões de vinil, capas de proteção
e térmicas e também na execução de obras de revestimento em reservatórios e caixas d`água de grande volume e piscinas de grande porte, com solda in loco. “Também distribuímos uma linha de dispositivos e acessórios para piscina”, complementa Rossini.

Uma preocupação da empresa, de acordo com o diretor comercial, é buscar a inovação e exclusividade de seus produtos, algo que ele considera fundamental no setor. A cada ano, a Artvinil lança uma nova coleção, baseada nas tendências do mercado. “Possuímos uma grande variedade de estampas e estamos
sempre em busca de atualização para fazer nossos lançamentos. Hoje, 80% de nossas estampas são exclusivas”, destaca.

Para manter seu canal de distribuição dinamizado, a empresa investe na gestão de seus canais de comercialização, de modo a atender todo o mercado nacional. Segundo Rossini, a Artvinil mantém seis distribuidores de seus produtos em diferentes regiões, inclusive com marcas próprias.

Empresa associada

Para Rossini, um setor forte depende de uma associação reconhecida e atuante. Por isso, a diretoria da Artvinil optou por se associar à ANAPP em 2010. “Também fazemos parte do Grupo Setorial de Piscinas de Vinil, buscando sempre melhorias tanto para a empresa quanto para o segmento”, ressalta. E o projeto futuro da empresa é continuar inovando e lançar novos produtos.

Fonte: Revista ANAPP

Anuncie aqui revista 02

anapp_132_capa

Author: admin

Compartilhar

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *