Faça seu login

Segurança para a sua piscina

Postado em 18 de setembro de 2014 | 0 comentários

campanha_piscina+segura-640x850

Alertar sobre como evitar afogamentos nunca é demais. É por isso que a ANAPP consultou a SOBRASA (Sociedade Brasileira de Salvamento Aquática) para dar mais orientações de como evitar tragédias.  Com as 4 medidas a seguir, você evita o risco de uma nova tragédia em até 95%. Isso pode seguir uma formula:


A: ATENÇÃO de 100% na criança. A distância máxima entre ela deve ser de apenas um braço – mesmo na presença de um guarda-vidas. Nada substitui a supervisão de um adulto responsável.


U: URGÊNCIA –  aprender a agir em emergência aquáticas (em cursos, por exemplo)


A: ACESSO RESTRITO –  as piscinas devem ser equipadas com uso de grades com portões auto-travantes a uma altura que impeça crianças de entrar no recinto da piscina sem a presença de um adulto.


S:
SUCÇÃO de cabelo e partes do corpo pode ser evitado com uso de ralo (s) anti-aprisionamento e precauções de desligamento do funcionamento da bomba.

Quando se tratar de um gradil, ele deverá estar íntegro e não escalável com altura superior a 1,2m, largura inferior a 12cm entre as barras verticais e no máximo 8 centímetros entre o piso e o bordo inferior da vedação, isolamento necessário para  impedir a passagem de uma criança e possibilidade de interditar a piscina.


Propósito: o isolamento da piscina com grades ou cerca não escalável, com tranca de travamento automático da porta permite delimitar com precisão as áreas de acesso á sua piscina, mantendo distantes crianças e animais domésticos, as quais poderão circular com segurança ao redor da piscina e sem risco de afogamento. O ralo anti-aprisionamento possui tecnologia que impede a sucção dos cabelos dos banhistas, bem como partes do corpo eliminando o risco de aprisionamento e afogamento.

 

A SOBRASA dá algumas dicas para evitar o afogamento em casa:

1. Ensine flutuação e brincadeiras na água para crianças à partir dos 6 meses  e natação à partir dos 2 anos.

2. Caso seja necessário afastar-se da piscina para atender um telefona, campainha ou até mesmo ir pegar uma toalha, leve a criança consigo.

3. Incentive o uso de coletes salva-vidas para crianças menores e pessoas sem conhecimento de natação.  Não permita o uso de boias de braço, pranchas, pneus, e bolas, elas transmitem a falsa impressão de segurança.

4. Evite brinquedos próximos à piscina. Isso atrai a criança e aumenta o risco de afogamento.

 

Cuidados para os adultos:

  • Não permita mergulhos de cabeça em locais rasos.
  • Não permita competições de prender a respiração embaixo d’água.
  • Evite a ingestão de bebidas alcoólicas e alimentos pesados antes do banho de piscina.
  • Em caso de relâmpagos, saia imediatamente da piscina
  • Se você for fazer uma festa com piscina em casa, lembre-se de contratar um guarda-vidas.

Após tomar esses cuidados, estará seguro para se divertir na piscina.

http://www.sobrasa.org/piscina-segura-proprietarios-piscinas-particulares/

Author: admin

Compartilhar

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *