Faça seu login

Piscina velha de cara nova

Postado em 11 de outubro de 2018 | 0 comentários

Sua piscina vem apresentando problemas como revestimentos caindo e rejuntes soltando? Ou o formato dela não o agrada mais nem supre as necessidades da sua família atualmente? Pois saiba que esses estão entre os motivos mais frequentes que levam as pessoas a reformar suas piscinas.

Segundo Rinaldo Hayashi, da Hidroágua Piscinas, loja especializada na construção de piscinas personalizadas, o mercado está muito aquecido neste segundo semestre de 2018 devido às reformas. “Temos atendido muitas piscinas com 20, às vezes 30 anos de idade, com formatos que não privilegiam áreas mais rasas, para crianças pequenas, por exemplo. Essas piscinas antigas não atendem mais às famílias, podendo ser melhoradas para garantir um uso mais frequente e mais segurança e conforto para todos da família”, explica.

A repaginação pode ser total, na qual é criado um novo conceito de área de lazer, ou apenas realizando uma troca dos revestimentos, dependendo do orçamento disponível e objetivo do cliente. “Com uma reforma, uma piscina retangular, modelo que era muito comum nos anos 80 e 90, pode receber uma área mais rasa, chamada de prainha, revestimentos diferenciados, iluminação atualizada, com LED e aquecimento. Outra forte tendência para piscinas são os revestimentos que simulam praias naturais, com os quais é possível elevar o fundo e até mesmo escolher o tom da água simulando praias de qualquer localidade do mundo”, afirma Rinaldo.

Rinaldo explica ainda que os meses de agosto, setembro e outubro são ideais para a realização da reforma, pois o tempo mais seco permite que a obra corra sem intervalos. “Além disso, há tempo de sobra para ela ficar pronta até o verão. Em média as reformas demoram um mês para ficarem prontas, dependendo, é lógico, do novo projeto”, finaliza.

Fonte: diarioinduscom.com

 

Author: admin

Compartilhar

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *