Faça seu login

Piscina aquecida 365 dias

Postado em 13 de setembro de 2018 | 0 comentários

Indústrias investem em tecnologia para a produção de bombas de calor que economizam energia e protegem o meio ambiente

Por Sergio Kapustan

Quem não quer ter a piscina de sua casa ou do seu prédio aquecida o ano todo e se beneficiar do sol generoso no País sem gastar muito? Pensando no bem-estar e no bolso de seus clientes, os fabricantes de aquecedores investem cada vez mais em soluções sustentáveis e econômicas de aquecimento de água sem desperdício.

A indústria Bosch (SP) apresenta duas novidades para aquecer a piscina: a bomba de calor Compress 3000P e oaquecedor PP Flex, ambas da marca Heliotek.

De acordo com a Bosch, a Compress 3000P produz cinco vezes mais energia em forma de calor do que consome um produto movido a energia elétrica. De maneira inteligente, a bomba transfere para a água o calor retirado do meio ambiente. Assim, é possível manter a piscina aquecida durante o ano todo, seja ela coberta ou não, com um custo operacional reduzido.

O equipamento é indicado para piscinas de todos os portes de casas, condomínios, clubes e hotéis, por exemplo. A Compress 3000P é produzida com materiais de alta resistência, como o titânio, que minimiza o risco de corrosão e os efeitos do sol, contribuindo para o aumento da durabilidade. A indústria observa que o equipamento é fácil de ser instalado assim como a operação do painel eletrônico de controle.

É possível programar a temperatura da água, além de identificar o status de funcionamento da bomba de calor e também os códigos de erros, em caso de alguma anormalidade, que são exibidos no painel de controle. Outra vantagem é a possibilidade de gerenciar a temperatura, programando-a com antecedência.

A indústria recomenda ainda a instalação do equipamento em local protegido, porém, de fácil acesso e evitar ambientes que concentram fontes de calor, como o espaço destinado a forno a lenha e grill. A bomba deve ser colocada em uma base plana e nivelada, que permita o escoamento da água de chuva ou da água condensada do evaporador interno.

A outra novidade é o aquecedor solar para piscinas PP Flex. Ele é um produto sustentável por utilizar uma fonte de energia gratuita e enovável, e, por conta disso, economiza nos gastos com eletricidade.

O novo conceito modular simplifica os processos de instalação. Isto é possível graças às diferentes possibilidades de combinações entre os módulos para a montagem de aquecedores de quatro, cinco e seis metros e também por conta da menor quantidade de acessórios necessários para aplicação do PP Flex. “Os dois produtos têm foco na eficiência energética. Além disso, as soluções que utilizam a energia solar como fonte para aquecimento de água – piscina e banho -, são alternativas vantajosas e eficazes, principalmente em países com alto índice de radiação como o Brasil, além de contribuírem com a preservação do meio ambiente”, destaca o vice-presidente de vendas da Bosch Termotecnologia no Brasil, Rafael Campos.

Produtos seguros

Tradicional indústria de acessórios de piscinas, a CMBAqua, de Ribeirão Preto (SP), ampliou sua linha de produtos há mais de quatro anos fabricando placas de aquecimento solar.

De acordo com o fundador e presidente da empresa, Celso Malaquias Barbosa, inspirada no clima tropical brasileiro, com muito sol, a

CMB Aqua lançou o Aquecedor Tropical Solaris e o Controlador de Aquecimento Tropical.

O aquecedor é de placas fabricadas em propileno atóxico, com aditivos anti-UV, de grande resistência e durabilidade. Possui um sistem de montagem prático e eficiente, que permite o travamento, alinhamento e fixação das placas no telhado da moradia com segurança.

Como funciona o aquecimento? A água é conduzida por um tubo (de 1,5 polegada) e depois distribuída por outros tubos menores (de um quarto), que, aquecidos pelo sol, elevam a temperatura, deixando a piscina tropical nas quatro estações do ano.

Estão disponíveis em três tamanhos: 1 x 2,1 x3 e 1 x 4 metros de cumprimento. E para seu melhor aproveitamento, recomenda-se o uso de uma capa térmica para reduzir a perda de calor.

O controlador, por sua vez, tem a função de manter a água aquecida. Como isso é feito? Segundo

Celso Barbosa, o primeiro passo – o mais comum – é instalar o equipamento na casa de bombas. É ele que liga a bomba que faz a água circular. Abre-se a válvula de retenção e a água passa pela placa coletora e, após ser aquecida, retorna para a piscina. A CMB Aqua ressalta que o controlador economiza energia com tecnologia de ponta, sendo de fácil instalação. Acrescenta o timer para programar, o que dispensa a necessidade de ter uma pessoa encarregada de ligar ou desligar a bomba. O controlador liga e desliga a bomba em até três horários previamente programados e ainda conta com uma saída auxiliar para outra bomba. “De modo geral, podemos afirmar que um produto depende do outro. As placas cuidam do aquecimento e o controlador transporta a água quente para a piscina. O resultado final, para o consumidor, é adquirir produtos de qualidade, econômicos e durabilidade”, afirma o presidente da CMB Aqua.

Durável e silencioso

Outra indústria importante de setor de piscinas, a Sodramar, com sede em Diadema, no ABC Paulista, iniciou há 20 anos a produção de bomba de calor movida a gás. A empresa informa que o Trocador de Calor Sodramar é econômico, silencioso e simples de operar.

“A bomba de calor tem o mesmo princípio do ar-condicionado, entretanto, sua função primordial é a troca de calor e consequente aquecimento, privilegiando o condensador, de titânio, que é resistente à corrosão e aos ataques de produtos químicos”, informa o engenheiro Irineu Candido dos Santos Filho. O engenheiro detalha como a água deve ficar na temperatura certa para não prejudicar o lazer ou atividade física. O gás entra na forma de vapor saturado no compressor, que alcança temperatura acima de 50 º C, saindo na forma de vapor superaquecido.

Segue depois para o condensador, onde é realizada a troca de calor. Ou seja, o equipamento aquece a piscina retirando o calor do ambiente e o transfere para a água. Já a temperatura da piscina é monitorada e controlada por um termostato digital, em que o usuário pode escolher o grau de temperatura da piscina.

Irineu dos Santos informa que a bomba de calor da Sodramar tem durabilidade e baixo custo de manutenção preventiva. “Há máquinas com mais de 15 anos de uso trabalhando normalmente”, observa ele.

Fonte: Revista Edição 139

Author: admin

Compartilhar

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *