Faça seu login

Aprenda a cuidar da sua piscina para evitar focos de dengue

Postado em 14 de março de 2016 | 0 comentários

Segundo dados do novo balanço do Ministério da Saúde, os casos de dengue aumentaram no País no começo do ano. O crescimento foi de 48% comparado ao mesmo período do ano passado, que registrou 49.857 casos. O mosquito que, além de transmitir o vírus da dengue, também transmite a Chikungunya, o Zika vírus e a febre amarela, é o vilão mais temido atualmente e deve ser combatido a todo o custo.

Por isso, é preciso ter alguns cuidados, como não deixar água parada em pneus, em vasos de plantas, tanques e reservatórios, caixas d’água e também nas piscinas – cobertas ou não -principalmente durante o período de chuvas.  O cuidado com as piscinas nessa época deve ser redobrado, pois o mosquito deposita seus ovos nas paredes logo acima do nível da água e sem a limpeza adequada podem se tornar um potencial criadouro.

As piscinas vazias também devem ser monitoradas constantemente, inclusive o plástico ou lona utilizada para a proteção podem reter a água das chuvas e ser um lugar propício para a fêmea do mosquito depositar os seus ovos.  Confira algumas dicas para manter a sua piscina livre desse vilão:

  • Limpar a borda com bucha e vassoura;
  • Realizar a filtragem diária da água;
  • Fazer a limpeza de resíduos;
  • Manter o PH da água adequado;
  • Aplicação constante de cloro;
  • Ficar atento a possíveis focos em lonas e plásticos utilizados para cobrir a piscina.

Mesmo no outono e com a chegada do inverno, que começa no dia 20 de junho, a atenção e cuidado devem continuar para evitar que os mosquitos se desenvolvam no local. Agora que você já sabe como cuidar da sua piscina, é só aproveitar e tomar os devidos cuidados para o verão e todas as outras estações do ano sem culpa e sem dengue!

Author: admin

Compartilhar

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *